Wiegand - Notícias

Estreia do Alpine Coaster na Ucrânia

Bukovel, nos Cárpatos Orientais, a aproximadamente 50 km dos romenos e a cerca de 100 km das fronteiras da Hungria, Eslováquia e Polónia, é o maior resort de esqui e de montanha da Ucrânia, com pistas a perfazerem 68 quilómetros e mais de 20 elevadores. Estende-se por várias montanhas em torno da localidade de Poljanyzja. A montanha mais alta é Dowha, a uma altitude de 1372 m. A par das inúmeras pistas, também há muito a oferecer por aqui: além de passar pela pista de gelo, em Bukovel, a diversão também passa pelos trenós puxados por cães ou pelo passeio em motos de neve. Uma experiência especial é o “Bike Zip”. É só subir – obviamente em segurança – para uma bicicleta suspensa numa corda com 560 m de comprimento e sobrevoar o Lago Molodosti, onde também pode praticar vários desportos aquáticos, como esqui aquático ou prancha de surf.

Apesar da grande variedade de ofertas, a longa lista não está completa sem o Wiegand-Alpine Coaster. A instalação deste sistema realmente extraordinário começou em setembro de 2019:

Primeiro, os hóspedes percorrem uma extensão de 600 m por um segmento de floresta entre dois teleféricos de esqui na margem de uma pista comprida com o elevador até à estação da montanha a uma altura de 172 m. Uma vez lá em cima, desfrutam logo de uma vista fantástica sobre a localidade e as montanhas circundantes. Mas os fãs dos tobogãs não têm muito tempo para apreciar a vista, porque, agora, há que descer tudo pela pista de 1435 m, repleta de diversos outros destaques.

Numerosas curvas, arcos e ainda mais saltos conduzem os visitantes ao longo de 700 m pela floresta fora antes de chegarem à primeira dupla construção circular de cerca de 100 m de comprimento e 14 m de altura por uma ponte de 30 m de comprimento. A próxima construção circular aguarda os fãs mais adiante, depois de estes terem um breve intervalo para recuperação enquanto passam por uma curva e um arco.

No entanto, quem achar que agora vai ser mais calminho, engana-se redondamente, porque, logo a seguir, os fãs atravessam uma ponte de 10 m de comprimento que os leva à segunda dupla construção circular, devolvendo à experiência toda a ação e emoção. Foi instalado aqui um poste de 18 m – um recorde na história do Wiegand-Alpine Coaster. Há quem deixe o trenó no vale com as pernas a tremelear.

Por fim, ainda são percorridas três curvas antes de se entrar na estação onde também se tem acesso à entrada para a estação. Não são só o trajeto espetacular da pista e a dupla construção circular extremamente alta que tornam a instalação tão extraordinária, os dois sistemas de garagem para os 72 trenós, um na estação da montanha e outro na estação do vale, também não são nada comuns.

A par dos muitos destaques que permitem oferecer uma diversão fantástica, também a segurança não deve ser negligenciada: o sistema de controlo da distância também garante, aqui, a máxima segurança.

Scroll